Sexo oral com camisinha: por que e como usar? Aprenda!

Frutas e preservativos sobre fundo azul piscina

Você faz sexo oral com camisinha? Para algumas pessoas isso pode ser hábito, enquanto para outras pode ser uma pergunta um tanto quanto estranha. A verdade é que o preservativo é indispensável quando o assunto é sexo, inclusive o oral.

Apesar de estar muito atrelada à prevenção da gravidez, a camisinha é o único método anticoncepcional que nos protege das ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis). E não se engane achando que a contaminação só acontece quando rola penetração ou outra forma de contato direto entre as regiões genitais. Ela também é um risco na hora daquele oral.

Vem comigo entender mais sobre o assunto. Vou te explicar por que você não pode fazer sexo oral sem camisinha e dar dicas de como aproveitar ao máximo esse momento sem deixar de lado a proteção.

Por que fazer sexo oral com camisinha?

Foto de natali gutierrez com balão de fala sobre ists no sexo oral

Como expliquei de forma resumida, o preservativo te previne de se contaminar ou contaminar outras pessoas com ISTs. As infecções são transmitidas quando há contato com os fluidos corporais, assim, existe o risco no sexo vaginal, anal e até no oral.

O problema é que muitas pessoas ignoram a importância de usar camisinha no sexo oral, muitas nem sabem que estão em risco quando deixam de lado essa proteção. Para piorar, existe todo aquele estigma de que o preservativo tira a sensibilidade da região e deixa o sexo menos gostoso.

A verdade é que, se esse é o seu caso, está na hora de colocar os pesos na balança. Vale a pena colocar sua saúde em risco para alguns minutos de prazer? Ou até expor outra pessoa a esse risco? Acredito que não, até porque, quando você manda bem no oral, a camisinha é um detalhe.

ISTs transmitidas no sexo oral

Existem várias doenças e infecções sexuais que podem ser transmitidas via oral, inclusive aquelas que ficam com a gente para sempre, como HIV – e você consegue se proteger e proteger sua parceria de todas elas com o preservativo.

Herpes

A herpes é um vírus que provoca feridas na mucosa ou na pele, muitas vezes imperceptíveis, tanto nas genitais quanto na boca. A contaminação acontece quando temos contato direto com essa lesão e as chances disso acontecer são grandes.

Gonorreia

A Gonorreia é uma infecção que atinge principalmente o canal urinário de forma agressiva, mas pode se espalhar para outros órgãos dependendo da sua gravidade. A contaminação pode acontecer só pelo contato da boca com a região íntima, mesmo sem lesão, assim como quando ocorre a ejaculação na boca.

Leia também: Engolir esperma: faz mal? É bom? Descubra tudo aqui!

Sífilis

A Sífilis pode ser transmitidas pelos fluidos corporais, pelo sangue ou pelas feridas causadas pela infecção. Apesar de se manifestar principalmente nas genitais, ela também pode se espalhar pelo corpo. Se acontecer a ejaculação na boca, os riscos de contaminação aumentam – por isso é importante sempre fazer exames preventivos, tanto você quanto sua parceria, para terem todos os cuidados necessários na hora do sexo.

Clamídia

A Clamídia é muito comum e, assim como a gonorreia, atinge o canal urinário – essas duas ISTs tendem a estar associadas, conforme indica o portal do Ministério da Saúde. Apesar de poder causar dor e corrimento, muitas vezes ela é imperceptível.

Tricomoníase

Outra infecção que pode passar despercebida, a Tricomoníase é mais presente na vulva e pode causar corrimento esverdeado e com mau cheiro, além de dores na hora do sexo com penetração.

HPV

O HPV é um vírus mais perigoso, que pode causar desde verrugas nas regiões genitais e anal até câncer dependendo da variante. A contaminação acontece quando há contato com áreas mucosas ou da pele que estão infectadas – além da penetração e do sexo oral, a masturbação também pode ser uma via de transmissão.

Felizmente, além do uso de preservativo, no Brasil, há distribuição de vacina contra HPV gratuitamente, no geral, aplicadas em meninas e meninos a partir dos 9 e 11 anos respectivamente. Saiba mais sobre o HPV e a vacinação clicando aqui.

HIV

O HIV é o vírus que causa a AIDS e afeta todo o nosso sistema imunológico e, apesar de bem mais difícil de acontecer, também pode ser transmitido oralmente. Uma vez infectada com ele, a pessoa precisa seguir com cuidados rigorosos com a saúde para o resto da vida, pois não tem cura. Mesmo podendo ser controlado, o HIV pode impactar não só a saúde de quem o porta, mas a sua vida social, já que ainda há muito preconceito relacionado à doença.

Como fazer sexo oral com camisinha?

A resposta é simples: sexo oral só com camisinha. Seja para fazer um bom boquete ou na hora de descer na vulva, o preservativo é o melhor meio para conseguir ter alguma segurança contra ISTs.

O preservativo para vulva é uma boa pedida quando vocês sabem que vai rolar a penetração também, pois ele protege o canal vaginal e consegue cobrir parte dos lábios e do clitóris. O preservativo peniano, aquele mais tradicional, conta com variedade de sabores, o que pode deixar o sexo oral mais interessante.

Também há opções de preservativos penianos que oferecem maior sensibilidade, assim, vocês não ficam tão encanados pensando se vai ser bom com camisinha igual é sem. Mas não se esqueça que tem outras coisas muito mais importantes para um bom sexo oral!

Vale a pena conferir: Como fazer um SUPER sexo oral nela?

A verdade é que não tem muito segredo para fazer oral com camisinha. No máximo, vale segurar a borda do preservativo caso ele suba ou se mexa muito conforme os movimentos – e lembre-se de chupar só onde o preservativo cobre para evitar qualquer contaminação, viu? Mas eu não poderia deixar de te dar uma ajuda extra, então, olha só essas dicas:

Coloque a camisinha no pênis com a boca

Para manter o sexo oral interessante com o preservativo, você pode inovar já na hora de encapar o boneco. Se você nunca colocou o preservativo peniano usando a boca, pode seguir este passo a passo:

  1. Depois de abrir a camisinha e achar o lado externo, segure a ponta dela entre os lábios (sem os dentes) e gire duas ou três vezes para não deixar ar dentro da ponta;
  2. Prenda a camisinha com a língua no céu da boca, deixando a bordinha escondida mas aberta – e não deixe desenrolar;
  3. Posicione a boca no topo do pênis, que deve estar já ereto, e é só descer até a onde conseguir, você pode terminar de desenrolar com a mão mesmo.

Minha sugestão é que você faça testes nos dedos primeiro, pode usar dois dedos seus, para treinar, pegar o jeito e depois surpreender sua parceria. Ah, e uma boa camisinha de sabor torna tudo mais interessante para você!

Adapte a camisinha tradicional para a vulva

Infográfico sobre como adaptar camisinha peniana para oral em vulvas

Pode ser que a camisinha para vagina não cubra tão bem toda a vulva, que é a parte externa onde rola o sexo oral. Nessa hora, nada de improvisar com coisas caseiras, um preservativo tradicional já é suficiente para te ajudar. Veja como transformar a camisinha peniana para fazer oral em uma vulva:

  1. Abra a camisinha e desenrole-a por completo;
  2. Com uma tesoura, faça um corte da base do preservativo até a ponta;
  3. Agora a proteção está aberta, é só posicioná-la sobre a vulva e segurar as pontas com a mão.

Vale a pena preparar sua proteção antes de ir pro date, assim não rola perigo de faltar a tesoura, ou demorar e esfriar o clima.

Gostou das dicas? Então, para aproveitar ao máximo o próximo oral, já corre conferir o nosso conteúdo sobre qual é a melhor camisinha para escolher sem erro!

3 comentários sobre “Sexo oral com camisinha: por que e como usar? Aprenda!

    • Lara da Dona Coelha disse:

      Oi, Hana! Ficamos muito felizes em saber que este conteúdo te ajudou, é o nosso propósito! Cuide-se e tenha sempre boas vibrações <3

    • Amigo disse:

      Além do sexo oral, pessoas com predisposição a gengivite, inclusive depois da escovação que pode acontecer tocar em algum ponto de inflamação, transmite doenças, ou seja, até um “inofensivo” beijo com língua e saliva!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

usamos cookies melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.