5 Coisas que acontecem durante o beijo que você não sabia

Beijar é bom e disso provavelmente ninguém tem dúvidas. Mas, você sabia que além de ser momentaneamente prazeroso existem também outros muitos efeitos do beijo que permanecem mesmo quando os lábios já não estão mais juntos?

Indo muito além das “borboletas no estômago” ou da “síndrome de levantar uma das pernas”, alguns dos efeitos do beijo são, inclusive, comprovados cientificamente. Resumidamente falando, segundo uma reportagem da revista Veja “beijar ativa todos os sentidos do nosso corpo”!

É justamente por isso que o sexo, por exemplo, sempre tem início com beijos mais calorosos.

Existem diversos tipos de beijos: de carinho, de chegada e de despedida, apaixonados e românticos, beijos que servem para apimentar a relação e levar até a famosa hora H. Independente do tipo de beijo que você anda beijando por aí, há alguns pontos em comum entre todos eles que vale muito a pena conhecer!

Veja a seguir neste artigo as 5 principais coisas que acontecem durante o beijo e descubra como ele é muito mais poderoso do que você suponha! Beije mais consciente a partir desta rápida leitura!

5 coisas que acontecem durante o beijo

1. Assim como o sexo, o beijo queima calorias

Extremamente saudável, gostoso e essencial para a vida do ser humano, o beijo é ainda uma excelente alternativa para quem busca queimar algumas calorias sem se dedicar a atividades mais esportivas ou cortar severamente itens de que gosta da dieta.

É claro que essa perca calórica não é gigantesca, em média apenas de 2 a 6 calorias por minuto. Mesmo não sendo suficiente para equilibrar a balança ou dar aquele pontapé inicial ao regime, beijar ajuda a reduzir valores energéticos gastos com aquele chocolatinho, sabe?

E se não faz mal e ainda ajuda a emagrecer a única dica que resta é a de se dedicar a mais tempo beijando! Se a perda de calorias é pouca por minuto, multiplique os minutos e terá uma perda muito maior, não é? Explore esse que é um dos efeitos do beijo a partir de agora!

2. Beijar ajuda a fortalecer os músculos faciais

Outro dos efeitos do beijo cientificamente comprovados é a verdadeira academia que seus músculos participam durante esse contato a dois. Estima-se que ao menos 30 músculos faciais sejam trabalhados durante um beijo, um exercício e tanto!

Talvez você já tenha, inclusive, ficado com certa dorzinha nas bochechas após uma longa sequência de beijos. Se isso já lhe ocorreu, saiba que o motivo desse desconforto é justamente a falta de prática dos músculos em fazer determinados exercícios.

A boa notícia é que tal como nosso corpo, que padece na academia apenas nos primeiros dias, esses músculos também tendem a se fortalecer rapidamente permitindo beijos ainda mais demorados e repletos de paixão e energia.

3. O beijo pode aumentar a sua imunidade

Beijar diferentes bocas, como em festas e datas comemorativas, pode causar certo receio – e por que não dizer um nojinho? – e isso evidentemente está correto, afinal o beijo é um contato mais íntimo que requer cuidados para que você não contraia alguma doença ou bactéria, certo?

Ainda assim, estudos internacionais já comprovaram que o beijo pode efetivamente aumentar a imunidade de uma pessoa, justamente devido a esse múltiplo contato com diferentes bocas.

Para nós, mulheres, vale destacar ainda mais um dos efeitos do beijo que está dentro desse contexto: A maior imunidade a um vírus que atinge ao nosso gênero e que pode causar complicações se contraído ao longo de uma gravidez, o chamado Cytomegalovirus.

4. Quem beija mais, vive mais!

Não precisa sair correndo para beijar todo mundo a fim de conquistar a imortalidade, não é exatamente assim que funciona. Sabe-se que beijar ajuda a prolongar os anos de vida devido à esfera em que uma pessoa que beija muito está inserida.

Um exemplo clássico do que está sendo dito é o seguinte: Imagine-se apaixonada e vivendo um romance que vai a diante e se transforma em um relacionamento. Namorados beijam bastante, não é? Entretanto, o que mais conta são os sentimentos envolvidos aqui.

Se você está dentro de um relacionamento evidentemente está mais feliz, a não ser que seja este um relacionamento abusivo, é claro. Essa mistura positiva de sentimentos faz com que a pessoa viva mais e com mais qualidade de vida também.

5. Relaxa e acaba com todo o estresse

Por fim, o último dos efeitos do beijo a ser aqui citado, é o seu verdadeiro poder anestésico no nosso dia a dia. Quantas não foram às circunstâncias em que ao ver a pessoa amada e dar lhe um bom beijo muito do estresse que você havia passado durante o dia não foi deixado automática e instantaneamente de lado?

O beijo acalma, relaxa, alivia e aproxima as pessoas e por isso é uma prática que jamais vai morrer ou cair em desuso. Beijar é bom, gostoso e de graça!

Gostou ou quer mais? Agora aproveite para trocar experiência com outras leitoras da Dona Coelha e diga: Quais desses efeitos do beijo você percebeu na sua vida e no seu cotidiano? Quais outros efeitos e sensações um bom beijo causa em você?

Receba nossos emails

CADASTRAR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Espere, temos uma oferta especial para você!

GANHE 10% OFF

basta se inscrever na nossa newsletter
EU QUERO DESCONTO!

IMPORTANTE: Esta oferta é limitada e não irá se repetir!
Fechar ( X )

Nós  SUPERELA

Você que conheceu nosso site pelo Superela tem _DESCONTO  na sua primeira compra.
CADASTRAR
Oferta válida apenas para compras acima de R$ 100
close-link
CADASTRAR
Seu cadastro garante que será a primeira(o) a receber as ofertas de Black Friday.

Receba nossos emails

CADASTRAR