A reformulação da revista Playboy Brasil deu certo?

Capa da revista Playboy Brasil com a Luana Piovani em Preto e Branco

As mudanças da revista Playboy Brasil mudaram bastante a cara de quem estava acostumado com as suas edições anteriores e até mesmo concorrentes no mercado nacional.

Conheça também: A nossa expectativa para a nova Playboy Brasil.

A revista Playboy Brasil mudou sim! A primeira edição foi emblemática, não apenas na escolha da capa, mas em toda a sinergia do seu conteúdo que conversou bem do início ao fim.

A única exceção foram as propagandas que pareciam ainda estar presas na fórmula anterior de exploração da figura sexual das mulheres, tratando como objetos sexuais, assim como seus produtos ofertados, a solução para os homens que querem possuir estas mulheres. Infelizmente, o mercado publicitário não acompanhou a evolução da revista.

Ensaio sensual da Luana Piovani Playboy

Sobre o conteúdo desta edição é preciso dizer que o ensaio da Luana Piovani foi um dos mais belos feitos nos últimos anos. Muito por conta do dedo da própria Luana, segundo o que foi dito. A revista deixou de ser um tributo sexual e voltou a ser sensual, num espírito “Girl Next Door”.

Foto do ensaio sensual da Playboy Brasil com a Luana Piovani

As fotos nem de longe aparentam ser caseiras, mas a casualidade do ensaio juntamente da beleza da Luana Piovani. Teve quem disse que ela estava velha, faltou maquiagem, não se depilou adequadamente e mesmo que não foi Sexy o bastante, mas a verdade na nossa opinião é que ela fez o que prometeu, mostrou atitude, foi sensual e abriu a discussão (de novo) sobre o padrão de beleza “ideal” que existe só na cabeça dos mais desconectados a realidade.

Artigo: Tamanho não é documento

Este foi um dos nossos artigos favoritos de toda a revista e que casou perfeitamente com a nova proposta e sua protagonista da capa.

Em uma discussão histórica e filosófica discute-se a volta da moda dos seios femininos pequenos. Como você pode imaginar a discussão vai além do “está na moda, faça sua redução de seios agora!”, tudo gira em torno da obsessão que temos por sermos iguais a todos, porém reconhecidos pelas nossas diferenças o que nos torna constantemente infelizes já que não conseguimos ter sucesso em nenhuma das coisas.

Capa do disco Gli Anni Moderni (1969) com loira de seios pequenos desconhecida

O texto é de Ronaldo Bressane e vale muito a leitura!

Quando a paixão coincide com o Amor

Este título é o nome do poema de Fabrício Carpinejar para a própria Luana Piovani, mas na nossa opinião ele foi a síntese do ensaio da Luana e da nova proposta da Playboy Brasil.

Buscar a essência sensual da mulher e não o oportunismo para tirar a roupa de qualquer jeito, aproveitando os 15 minutos de fama.

Entrevista do Neymar Jr. na Playboy

Essa foi uma parte da revista que incomodou. Não tive o menor interesse em saber o que o Neymar Jr. pensa ou disse. Talvez quem goste mais de futebol tenha interesse, mas penso que figuras mais politizadas que tenham experiência e conteúdo para somar as opiniões fossem mais interessantes.

Cara do Neymar Jr chateado, fazendo biquinho

De novo, nada contra o Neymar, só não me cativou a saber mais sobre a vida do boleiro bilionário.

Outros artigos e matérias da Playboy Brasil

As matérias sobre os advogados de defesa de réus na operações contra corrupção no Brasil, foram um tempo bem gasto para entender o outro lado, de quem precisa se defender e chega a gastar quase 5 milhões com advogado, ou como também chamam, a ponta mais forte da corda.

O entrelinhas veio com texto de jornalista e atores, achei fraco, mas a expectativa não era alta, a não ser pelo destaque que foi o texto da escritora argentina Juliana Frank. Esse sim foi um “Textão” para te fazer pensar!

Modelo transexual Lea T Cerezo na revista Playboy Brasil

A última entrevista da revista com a top model Lea T, ou Lea Cerezo como prefere ser chamada agora, foi um fechamento incrível da edição para quebrar alguns tabus, falando sobre transexualidade em uma revista masculina.

Conclusão sobre a nova revista Playboy

A conclusão é que a revista Playboy Brasil, embora ainda precise melhorar, mudou muito e para melhor. Para quem estava na dúvida, recomendo ler as matérias e ver o ensaio sensual da Luana Piovani.

Agora é esperar as novas edições da revista para ter certeza que vai seguir a mesma linha desta primeira edição e ver se os problemas desta edição.

Receba nossos emails!

ENVIAR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Espere, temos uma oferta especial para você!

GANHE 10% OFF

basta se inscrever na nossa newsletter
EU QUERO DESCONTO!

IMPORTANTE: Esta oferta é limitada e não irá se repetir!
Fechar ( X )

Receba nossos emails!

ENVIAR

Nós  SUPERELA

Você que conheceu nosso site pelo Superela tem _DESCONTO  na sua primeira compra.
CADASTRAR
Oferta válida apenas para compras acima de R$ 100
close-link
RECEBA NOSSOS EMAILS INCRÍVEIS
⇩ Clique Aqui