Garota feliz chegando em uma faixa de corrida, escrito gozar, remetendo a hora que alguém consegue gozar

Não consigo gozar! Confira 6 causas e soluções com a Dona Coelha!

Falar de sexo é muitas vezes, para homens e mulheres de todas as idades, algo extremamente complicado. Isso deve-se não somente ao tabu clássico do tema, mas também pela falta de conhecimento!

Isso é ainda mais intensificado quando nós não conhecemos nosso próprio corpo, o que muitas vezes resulta na tradicional frase: não consigo gozar! Problemas hormonais, pressão no relacionamento, vergonha e questões emocionais estão entre as principais causas desse problema.

Você procura soluções realmente eficientes para finalmente conseguir gozar? Vem com a Dona Coelha, que aqui é um ambiente livre de preconceito e recheado de informações que podem te ajudar a chegar nesse ápice do prazer! Confira na sequência!

Por que não consigo gozar? 6 causas mais comuns!

Saudável, necessário e super prazeroso, o sexo é – sem dúvida nenhuma! – um dos momentos mais empolgantes da vida adulta. Contudo, como é um assunto pouco debatido e com muitos mitos, tornou-se um tema “proibido socialmente”.

E, como é de se pensar com tudo aquilo que falta informação, muitas pessoas tendem a desconhecer as verdadeiras motivações que impedem o gozo. Há – e inclusive é bastante comum! – quem não saiba como identificar o ápice do prazer sexual.

Dentre as causas que nos impedem de atingir o orgasmo – seja homem ou mulher – podemos enumerar traumas na infância, estresse, depressão, medo, dentre outros. Além disso, a falta de conhecimento sobre o próprio corpo também pode contribuir! Vamos falar as 6 causas mais comuns?

1 . Traumas na infância

Pessoas que viveram em uma condição de abuso na infância – seja físico ou psicológico – tendem a ter dificuldade de gozar. Abandono, negligência e abusos sexuais configuram uma teia de problemas que impedem, não só o orgasmo, mas também o desenvolvimento de relações profundas e duradouras.

2 . Estresse

Pessoas acometidas por situações de muito estresse psicológico tendem a ter dificuldades de atingir o ápice do prazer. Homens, principalmente, são colocados em uma situação de virilidade blindada – dada por uma sociedade que não admite a falha sexual masculina – e, quando deparam-se com a situação, tendem a ter dificuldade de lidar com o problema.

3 . Depressão

A depressão é um dos problemas que mais levam à falta de libido e, portanto, impedem o gozo. Além disso, pessoas nessa condição tendem a usar antidepressivos, que também conduzem a anorgasmia – ausência de orgasmos. As mulheres estão entre as mais afetadas e, segundo especialistas, essa condição tende a piorar quando combinada a remédios anticoncepcionais.

Informações sobre como anticoncepcional e antidepressivos afetam a libido

4 . Medo

O medo é outro fator que pode estar te impedindo de chegar ao prazer. Muito mais comum entre homens, as diversas práticas sociais tóxicas e castradoras da figura masculina, que definem a masculinidade como atrelada ao sexo heteronormativo e agressivo, frustram e reprimem qualquer um que tente buscar alternativas menos estereotipadas nas relações sexuais.

5 . Distúrbios hormonais

Com o passar dos anos nosso corpo sofre modificações! É comum, por exemplo, a perda de sensibilidade no pênis e a falta de libido. Além disso, as desregulações hormonais, próprias de períodos como menopausa e andropausa, também tendem a contribuir para não conseguirmos gozar!

6 . Idealização sexual

O sexo ainda é fortemente visto como uma prática heteronormativa, falocêntrica e muito machista, que exclui a educação sexual e fomenta a pornografia! Veja bem, sexo real não é contracenado, envolve pessoas com corpos fora do padrão e atitudes que não são ensaiadas. Resultado? Forte quebra de expectativa e desmotivação sexual.

Além disso, entre as mulheres – principalmente – há um desconhecimento do próprio corpo. Enquanto os meninos são incentivados a masturbação desde de cedo, as meninas são levadas a acreditar que a mesma atitude é extremamente proibida para si. Imagina como é difícil para alguém nos estimular se nem nós mesmo sabemos fazer isso?

Entretanto, existem soluções para você conseguir chegar ao ápice do prazer e poder usufruir do sexo na sua melhor forma! Quer conhecê-las? Continue rolando a página e confira!

Como conseguir gozar? 6 soluções possíveis!

De fato, a barreira social que existe para tratarmos o sexo como um assunto saudável e muito importante para a manutenção da autoestima ainda é extremamente grande. E isso não é exclusividade de homens e mulheres cis. Na verdade, se a pouca informação que existe quase não chega a esse grupo, imagina para pessoas trans?

Por isso, como solução para os problemas citados, nós desenvolvemos uma lista amparada em conselhos de profissionais gabaritados, que tratam a sexualidade como um assunto muito importante e de debate necessário. Confira!

1 . Busque orientação médica especializada

Se você está passando por qualquer uma das situações anteriores, o primeiro passo é buscar ajuda especializada. Por mais que os amigos, parceiros, parcerias e nós aqui no blog da Dona Coelha queiramos muito te ajudar, nada melhor do que instruções de especialistas na área. Pense nisso!

2 . Desmistifique crenças preconceituosas

Banner citando 5 tabus sexuais a serem quebrados

Além de encontrar amparo em médicos e psicólogos, começar a enxergar o sexo de uma maneira menos preconceituosa é um bom caminho. Existem inúmeras possibilidades de prazer que não envolve uma prática extremamente falocêntrica. Por isso, ouse nas zonas de prazer, experimente novas abordagens e inclua outras formas de sexo pouco exploradas na sua rotina – alô, sexo oral e anal!

3 . Procure uma terapia direcionada

É importante buscar as causas biológicas para a falta de orgasmos porém, às vezes – você já deve ter percebido – há motivações que possuem fundo emocional e, por isso, merecem atenção direcionada. Ainda bem que hoje há diversos terapeutas especializados em tratar problemas ligados à sexualidade, não é mesmo?

4 . Explore seu corpo e zonas erógenas

Já falamos sobre isso, mas é importante ressaltar que a cultura da privação do prazer feminino precisa acabar! Mulheres devem – e merecem! – conhecer o próprio corpo, investir na masturbação e encontrar alternativas diferentes da penetração. Ninguém pode conhecer seu corpo mais que você, por isso invista em voos solos e arrase no prazer!

5 . Faça exercícios de fortalecimento

Até aqui a gente precisa investir em atividades físicas? Calma, não é bem assim, mas é! Direcionada para mulheres, existe um conjunto de músculos que ficam na região ao redor da uretra, vagina e ânus. Eles são responsáveis por ajudar no momento do prazer, e fortalecê-lo pode te levar a orgasmos mais intensos!

Sabe quando vamos fazer xixi e interrompemos bruscamente, pois é, o exercício é exatamente esse! Já ouviu falar de pompoarismo? Aqui no blog nós temos um ótimo conteúdo que pode te ajudar a descobrir todas as técnicas para fazê-lo! Dê uma passadinha por lá depois!

6 . Invista nas preliminares

Finalmente, criar uma ambientação cheia de prazer e tesão pode conduzir a um orgasmo muito mais intenso. E olha só, sexo oral não é preliminar, tudo bem? Na verdade, as preliminares envolvem atitudes de sedução que nem sempre tem a ver com o toque – um olhar sensual, uma música envolvente, um cheiro atrás da nuca… uí! É isso aí!

Além do mais, existem diversos tipos de sexy toys para apimentar o sexo e fugir da rotina. Que tal investir em alguns? Lembra da nossa segunda solução? Xô preconceito, hein!

Aliás, se você estiver em um relacionamento, buscar entender o que as duas pessoas gostam em parceria é uma atitude que dá bastante resultado e tende a conduzir ao orgasmo! Bora realizar fantasias sexuais e investir em atitudes criativas para um sexo mais gostoso?

Ressaltamos que essas dicas não substituem o aconselhamento médico-psicológico, certo? Por isso, o ideal é buscar auxílio profissional e, de quebra, investir nas dicas que selecionamos para você! Imagina que combo infalível será?

Aqui no blog da Dona Coelha nós trazemos conteúdo como esse semanalmente, que tal ler nosso texto sobre como deixar o sexo mais gostoso, e aproveitar para usar as nossas dicas para um orgasmo intenso?

Te vejo por lá, beleza?

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dona coelha e os cookies: usamos cookies para melhorar a experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.