Como recarregar vibrador: não fique mais sem carga!

Três tipos de carregadores de vibrador

Saber como recarregar vibrador é um conhecimento indispensável pra quem se jogou no mundo dos sex toys. Afinal, existem vários modelos de carregamento diferentes e você não quer que a bateria acabe no meio da sua diversão, não é?

Mas não para por aí, muitas vezes, esses aparelhos eletrônicos do prazer contam com tecnologias de carregamento diferente das que estamos acostumados no dia a dia, seja por um cabo que você nunca viu, um buraquinho de entrada que fica escondido ou por que carrega por indução. Pior do que a bateria do vibrador morrer enquanto você usa é não saber como trazê-lo “de volta à vida”.

Por isso, a dica de hoje é pra você que está conhecendo esse universo dos sex toys e precisa aprender a carregar seu vibrador. Eu vou explicar como fazer isso nos diferentes modelos de toys. Vamos lá?

Como recarregar vibrador à pilha

Sim, eu vou começar explicando pela pilha. Pode parecer muito óbvio recarregar um toy à pilha, afinal, é só colocar a pilha, né? Na verdade, não é só isso não. Existem alguns cuidados que você precisa ter ao lidar com um toy à pilha e ao trocá-las pra que você não  perca partes importantes da estrutura do aparelho nem perca em potência.

Primeiramente, os vibradores á pilha funcionam ou com a pilha palito (AA) ou com as pequenas (AAA), pra saber qual é a do seu, basta ler a descrição do produto no site. Uma vez que você souber o modelo certo, vale a pena investir em pilhas novas e não pegar a do controle remoto. Isso porque a pilha do controle já não tem toda a sua potência, assim, pode não entregar toda a carga que o vibrador precisa.

Feito isso, você deve abrir o compartimento onde as pilhas são colocadas e conferir as instruções que já estão nele. Se você perceber que há uma “caminha” plástica dentro (com as indicações de + e -), não a retire, é ali que as pilhas devem ser acopladas e seguindo a orientação dos lados positivos e negativos – esse é o modelo de carregamento de um vibrador personal super popular.

Além disso, em alguns casos, pode haver um plástico ou papel fininho nesse espaço onde coloca a pilha, que também não podem ser descartados. Use do jeitinho que o toy chegou. Quando as pilhas acabarem, troque por novas do mesmo modelo e siga os mesmos passos. Ah, quando você não estiver usando o vibrador, pode tirar as pilhas, caso ele não conte com um botão de ligar e desligar, só com o rosqueamento.

Como carregar vibrador com pino

Outros modelos mais atuais de vibradores contam com um pino de carregamento no cabo que imita os fones de ouvido tradicionais, sabe? Em formato de pininho mesmo, só que um pouco mais comprido. A linha de sex toys Dona Coelha é assim, porque esse método é seguro e permite uma boa vedação da entrada de energia, o que otimiza o uso do toy.

Nesse caso, basta você encaixar o pininho na entrada de carregamento para dar carga ao seu vibrador. Um ponto importante é que alguns modelos podem permitir a inserção completa do pino no encaixe, enquanto outros deixam um espacinho pra fora. Os dois funcionam igualmente, isso só muda de acordo com o fabricante e não prejudica o seu aparelho do prazer.

Além disso, dependendo do modelo, como comentei, a entrada de energia pode estar bem vedada pelo silicone do toy, até meio escondida. Com isso, você pode sentir alguma dificuldade pra encontrá-la. Observe no seu vibrador um marco de círculo, de cerca de meio centímetro. Se olhar bem e ele tiver um furinho no meio, é este o local de encaixe do seu carregador.

Na outra ponta do cabo, há uma entrada USB tradicional, igual à do carregador dos smartphones e presente em computadores, notebooks e até televisões. Basta escolher onde você vai acoplar seu toy e deixá-lo pegar a carga completa.

Como carregar vibrador por magnetismo

Há modelos de toys ainda mais tecnológicos, os que carregam por magnetismo. Nesse caso, o toy conta com um cabo com entrada USB de um lado, a que é acoplada à fonte de energia, e o conector magnético na outra ponta, que dá match com o conector que fica no próprio toy. Essas pontes magnéticas são das bolinhas metálicas pequenas que geralmente ficam numa parte do aparelho que seguramos, não usamos para estímulos.

O uso é simples, você liga o cabo à fonte de energia e aproxima a ponta magnética ao campo magnético do próprio toy. Apesar de, num primeiro momento, parecer que a conexão é muito leve, você vai perceber que o magnetismo entre as partes é forte e suficiente pra carregar seu vibrador por completo.

Além desse modelo com cabo, há opções em que a conexão magnética do carregador fica em uma base pro toy, onde ele deve ser acoplado como se estivesse em um “altar” ou uma redoma. Esses modelos são super discretos e até elegantes, pois oferecem uma base própria pro toy e o cabo fica mais escondido.

Quanto tempo leva para carregar o vibrador?

Isso varia de modelo pra modelo. A primeira carga varia entre 4 a 6 horas, podendo haver exceções. Depois, você deve carregá-los por cerca de 4 horas e sempre deixar finalizar a carga completa pra garantir a melhor conservação do seu aparelho eletrônico.

Como saber quando o vibrador carregador?

O jeito mais certo de saber se a bateria está cheia é observar a luz que indica o carregamento: no geral, ela fica piscando quando está carregando e para de piscar quando finaliza.

Gostou das dicas? Se quiser saber mais sobre os cuidados que precisa ter com seu vibrador pra ele durar mais, você pode conferir minhas dicas de como limpar o sex toy! Te vejo por lá!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

usamos cookies melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.